2 de novembro de 2010

Top Gear 3000


Os jogos de corrida jamais foram os mesmos depois do lançamento do Top Gear, primeiro jogo de uma das séries de maior renome no Super Nintendo, o jogo era excelente, as músicas divertidas, a emoção era uma coisa totalmente diferente do normal dos outros jogos, consequentemente veio o segundo jogo da franquia, não tão bom quanto o primeiro, mas ainda assim admirado por muitos dos fãs, e em, 1995, a produtora Kemco, dona da franquia, presenteou o mundo com o fechamento da série no Super Nintendo com Top Gear 3000, o terceiro jogo, e dessa vez muito melhor que os anteriores, gráficos bem melhorados, músicas muito fodas, mesmo que alguma delas às vezes mostrem terem sido feitas com xilofone, o que não é um sinal ruim, eu chamo de Original !


O sistema do jogo mudou um bocado, mantendo a tradição do segundo jogo na hora de comprar peças mas tudo agora estava mais interessante, com o passar do jogo, ao que parece, os outros competitores parecem melhorar junto com você, e seu carro já não é mais tão fodão assim e você tem que ralar muito, ganhar muitas em primeiro, juntar grana pra caralho pra finalmente comprar um motor novo, ou esperar que algumas peças novas estejam disponíveis pra você, como o Jump, primeiro utilitário que aparece por fora das peças normais que lhe permite passar literalmente por cima dos adversários, o Attractor que faz com que você sugue velocidade dos carros na sua frente, como um imã mesmo em alta velocidade, e por último o Warp, o mais útil de todos, que tem limite de uso por corrida e que permite um teleporte rápido mas de excelente apoio, esse último quebra um galho, ou melhor, uma árvore... Isso tudo sem contar como é super foda, ter um carro equipadão e fazer ele chegar a quase 600 km/h, algo que o dinheiro não paga, é realmente emocionante e seguro ! Ao lado dos esquemas de cores que são super legais, assim como no segundo jogo, possibilitando o corredor ir a cada corrida com uma cor diferente em sua caranga ! A Jogabilidade também ficou alterada, pra melhor, claro, os comandos respondem muito bem, principalmente pela época que ele foi criado, uma melhoria já antes feita pela própria Kemco nos primeiros




O jogo agora não tem circuitos em países, e sim em sistemas solares diferentes, e em cada corrida se passa num planeta do seu devido sistema, e os competidores com o passar dos sistemas, como eu disse acima, melhoraram e muito, por que quando chega aproximadamente metade do jogo, o suor pra vencer uma corrida é o mesmo que antes se tinha pra vencer um sistema inteiro, isso sem contar que você passa a corrida, ta doido pra ir pra próxima, acabou de comprar aquele equipamento e de repente aparece uma porra de um anúncio no menu antes das corridas avisando que chegou algo novo.
 


Quem já zerou sabe muito bem como é difícil ralar pra comprar o quinto e o sexto motor, devido ao preço quase absurdo, é praticamente um inferno ! Realmente muito tenso comprar isso por que é caro pra caralho e o que você ganha em uma corrida chegando em primeiro é no máximo a oitava parte do que você precisa... a menos é claro que você tenha feito o macete do password que é nada mais que "BBBB BBBB BBBB BBBB BBBB" e comece 3 milhões de grana, isso tudo sem mencionar em como isso tudo fica duas vezes mais difícil quando o nível de dificuldade esta no Hard !

Os gráficos eram bons, e esse jogo foi o único do console a receber o Chip DSP-4, que melhorava os gráficos na hora da alta velocidade, das pistas que se dividem em vários caminhos principalmente.

A dificuldade do jogo é exponencial,  e o desempenho depende tanto do corredor quanto da necessidade de certas peças a cada momento, principalmente dos motores, da caixa de velocidades, da resistência do seu carro que deve ser fortalecida sempre, dos pneus, e sem esquecer de potencializar as famosas turbinas dos carros, típicas da série ! Tudo isso pra conquistar o título de "Mais Rápido Corredor da Galáxia"

Resumindo, Top Gear 3000 veio com tudo na época e abalou e revolucionou os jogos de corrida, e por mais que eu admire jogos como Midnight Club 3 ou Need For Speed: Most Wanted, que são poucos jogos de corrida decentes no meu ponto de vista, o antigão de 95 detona todos, por simplesmente te prender, divertir e garantir horas de diversão, e o mais legal é que depois que você zera no nivel médio, com certeza você vai desafiar o ultimo nível, e se o jogador zerou com o típico macete do "BBBB..." ele uma hora ou outra vai querer provar pra si mesmo que pode ser o Mais Rápido da Galáxia sem esse tipo de coisa, garanto que jogar no Hard sem esse macete vai ser bem desafiador, e eu já me garanti tendo esse título anos atrás no console, jogando e anotando passwords em cadernos e depois com save states de emulador como qualquer jogador nostálgico, que cresceu e admira jogos clássicos !

Um comentário:

Phillipe F. Lyra disse...

É engraçado ver vc dizendo que no dificil o jogo fica dificil.
Jump salvava vidas, já cansei de ganhar corridas pulando,pq ficava sem combustivel na reta final xD